Postagens

Mostrando postagens de Março, 2016

Franciscos!

Imagem
Fazei-me instrumento de vossa paz!
Por coincidência ou não, ambos os Franciscos da Igreja Católica depararam-se com o problema dos muçulmanos. Um deles largou o que estava fazendo para ir confrontar os muçulmanos em suas terras e arriscou a vida pela sua crença, o outro se quer se pronuncia quando falamos dos massacres de cristãos cometidos por algozes do Jihad.

Aquele Francisco, o que veio de Assis, diante do Muçulmanos, se ofereceu para uma prova de fogo, dizendo vamos entrar no fogo: "Eu e teus sacerdotes (...)" Pouco se importando com o resultado, a confiança em Deus era maior.
Nosso outro Francisco, clama que utilizemos as 'armas do amor', sabe-se lá com que objetivo...

Às vezes, tenho a nítida impressão de que o que antes era coragem cristã deu lugar a uma espécie de sentimento frouxo, de uma alegria boba, como se nossa fé se resumisse a cantar musiquinhas e fazer dancinhas de roda. Esse movimento tem outro nome chama-se "movimento Hippie" e nem de longe …

São Pio X - Papa de 1903 á 1914

Imagem
A Verdade! Parte II

Todos cremos que temos de morrer, que só uma vez havemos de morrer e que não há coisa mais importante que esta, porque do instante da morte depende a eterna bem-aventurança ou a eterna desgraça. Todos sabemos também que da boa ou má vida depende o ter boa ou má sorte. Como se explica, pois, que a maior parte dos cristãos vivem como se nunca devessem morrer, ou como se importasse pouco morrer bem ou mal? Vive-se mal porque não se pensa na morte: “Lembra-te de teus novíssimos, e não pecarás jamais.” É preciso persuadirmo-nos de que a hora da morte não é o momento próprio para regular contas e assegurar com elas o grande negócio da salvação.     O negócio da eterna salvação é, sem dúvida, o mais importante, e, contudo, é aquele de que os cristãos mais se esquecem. Não há diligência que não se efetue, nem tempo que não se aproveite para obter algum cargo, ganhar uma demanda, ou contratar tal casamento...     Quantos conselhos, quantas precauções se tomam! Não se come, não…

A Verdade!

Teria algum homem a coragem de viver sem a verdade?
Pense nos rios das montanhas quando encontram um obstaculo, eles se tornam mais fortes. 

Ter a coragem de viver sem a verdade. Quem teve essa coragem?
Não podemos nos livrar de nós mesmos. Fingir aquilo que nós somos, podemos mostrar aos outros uma falsa realidade, mas não podemos mudar aquilo que somos. 

A verdade não é uma ideia, um conceito ou um estado da mente. O homem não encontra a verdade, o homem deve deixar a verdade o encontrá-lo. Isso é um fato, não apenas palavras.
A verdade é uma pessoa: Jesus Cristo, o filho de Deus.
Infelizes somos nós, pobres miseráveis, que vivemos sob o julgo de mentiras, corrupção e descaramentos!
Que homem tem coragem de viver sem a verdade?

Conhecereis a verdade, e a verdade nos libertará.
Não nos percamos em orgias e bebedeiras, não devemos nos perder em liberdade sexual e depravação, revestidos da verdade devemos ser. A verdade é Jesus!

Nos contaram muitas mentiras, o tempo todo ouvimos. Neste mundo de …

Campanha da Fraternidade - Parte II

Boa-tarde.
"Se você tem em seu coração o desejo de praticar a caridade tenha em seu coração o desejo único de agradar primeiramente a Deus."

No post anterior falamos sobre a Campanha da Fraternidade (http://chrismasaovicente.blogspot.com.br/2016/03/sobre-cnbb.html), escrevemos como ela atrapalha a liturgia da Igreja, desrespeita a celebração do Santo Sacrifício e até mesmo, afasta as pessoas do real sentido da Quaresma, no momento em que, retira o sentido das pessoas da real contemplação, arrependimento, reflexão, jejum e penitencia que são necessários neste período, para todos os Católicos.
Agora, todo ano, também temos o famoso "envelopinho" como gesto concreto que são distribuídos todos os anos. Não pense você que este dinheiro será destinado à Igreja ou aos pobres, não será. Este dinheiro será arrecado e entregue nas mãos da CNBB para que eles possam dar o "correto" destino. Por isso, escrevem vagamente no envelope: "Projetos Sociais". Se fizermos…

A Santa Missa alcança uma boa morte.

Imagem
Seja embora longa a nossa vida, ó caríssimos, afinal havemos de morrer, e de boa ou má morte dependerá a nossa sorte feliz ou infeliz para sempre: o eterno paraíso ou o inferno sem fim nos espera! E será possível que morra mal quem em vida ouvia freqüentemente a Santa Missa? Jamais! Jesus mesmo o disse a Santa Matilde.

Aparecendo um dia a esta santa, depois de tê-la consolado nas suas tribulações espirituais, tranquilizou-a plenamente de seus temores, dizendo-lhe:

"Saiba ó Matilde, que quem tiver sido assíduo em ouvir a Santa Missa será consolado na morte. Os anjos e santos, seus advogados, estarão presentes e defendê-lo-ão valorosamente de todas as insidias do demônio e assim renderá em paz a sua alma". 

Oh! que bela morte sucederá à nossa vida si a tivermos empregado a ouvir quantas Missas pudermos!


Me dá 1 Real?

Esta manhã, sai mais cedo de casa para caminhar. Pelo caminho encontrei diversas pessoas, jovens, caminhando de volta para casa, sem julgamentos, mas pelo óbvio, estavam retornando das baladas, fluxo, pancadão etc.
Um jovem de não mais que 16 anos, se aproximou de mim, ele parecia meio perturbado, zonzo, ele veio até mim e me perguntou:
- Moço, não quer ficar com uma das minhas amigas? Só me dá 1 Real. - Ele falou olhando com aqueles olhos confusos.
- Respondi que não, que não tinha dinheiro e que não tinha interesse.
Ele continuou: Você não quer nos dar o dinheiro?
Falei que não era aquilo, que não queria saber daquela historia.
Eu fiquei extremamente sem reação, eram crianças, ao meu ver.
De longe, uma das meninas me gritou: Vai moço, me da um real pra eu comprar pão. Foi realmente confuso tudo o que aconteceu, mas fiquei chocado com o nível de promiscuidade e prostituição que já chegamos, muito perto de nossas casas, de nossas famílias, de nós. Crianças se prostituindo por conta de 1 Real…

O Perdão aos Ignorantes - Abaixo zorra total e Porta dos fundos

Já a tempo, sabemos que ausencia de uma criatividade honesta e a falta de pudor moral tem permeado as TVs, sociedade, escolas e todos lugares.
Já a tempos a Rede Globo demonstra falta de carater e despreocupação quando o assunto é IBOPE. E o Fabio "Porchete" finalmente se rendeu a falta de criatividade, aos ostracismo criativo e decidiu apelar. A incapacidade criativa, falta de talento, sobra de tempo e dinheiro (provavelmente do pai) e falta de padrões morais e éticos, fazem com que um sujeito que, muito provavelmente, carrega em si a incapacidade intra cromossomial para se manter na TV, apela, debocha, escracha e faz de tudo para se manter em evidencia, até quando sua presença já é causa de nojo a todos.
Covardemente, como só uma pessoa de seu nível poderia ser, ele publica e promove quadros onde Jesus Cristo é figura caricata, ofendendo com seu deboche e falta de consideração aquilo que é sagrado e aquilo que é Santo, como se tudo o que é sagrado pudesse estar colocado na b…

Sobre a CNBB

E durante minha vivência dentro da Igreja  Católica, lá pelas tantas, me deparei com o surgimento de um negócio chamado CNBB, a Confederação Nacional dos Bispos do Brasil. 
Pelo nome pomposo, demorei muito tempo para entender o tipo de autoridade que esses senhores possuíam quando o assunto era as coisas de Deus. Mas demorou muito tempo mesmo. 
Eu juro que tentei até mesmo ler aquelas porcarias de documentos que eles publicam. Sério mesmo! Tem um sobre liturgia, tem outro catequese, tem outro sobre pastorais, enfim, tentei ler o documento 52. Mas senti que era demasiadamente inútil, além de demasiadamente chato. 
Depois, começaram os movimentos chamados Campanha da Fraternidade, coisa mais medonha e sinistra. Que destruiu o que sobrava da liturgia da Igreja. Acredito que movido pelo Espirito Santo, sempre tive aversão por tudo o que vinha desse grupo chamado CNBB, e por consequência, acabava avertendo me também a quem  defendia aquelas ideias bizarras.
Depois de descobrir que a autoridade…

Preces depois da Missa rezada

Imagem
Muito perdeu-se desde a adesão praticamente integral da Igreja Católica apostólica Romana ao Concílio Vaticano II. A 'protestantização' do Rito Litúrgico Católico feita pelos conciliares fez com que, a grande riqueza da Igreja, a celebração do sacrifício de Cristo, desse o lugar a um rito que visava substituir o que outrora era o Cristo.
Bem, a intenção dos Bispos Conciliares era justamente de substituir Cristo por outra coisas. Infelizmente, não há o que possa a Cristo substituir, no lugar de Cristo hoje, temos um vazio.
As orações a seguir são uma pequena mostra do que se perdeu do tesouro da Igreja.
=================================================
Preces depois da Missa rezada

Prescritas pelo Papa Pio XI pela conversão da Rússia
Rezam-se primeiro três Ave-Maria; depois acrescenta-se:
Salve, Rainha, Mãe de misericórdia, vida, doçura e esperança nossa, salve; a vós bradamos os degredados filhos de Eva; a vós suspiramos, gemendo e chorando neste vale de lágrimas. Eia, pois, advogada…