O Céu é acessível! PARTE 1




Boa-noite a todos, a Graça e a Paz da parte de Nosso Senhor Jesus Cristo!
Há algum tempo não postamos mensagens ou textos em nosso blog, mas era um momento importante de reavaliação para todo o Grupo.

Agradecimentos a Deus

Eu particularmente, tenho muito a testemunhar, a respeito das Graças maravilhosas de Deus em minha vida. Tudo o que tenho aprendido no último ano, até mesmo das dificuldades que tenho passado em todos os aspectos da vida e em tudo Deus está sempre presente me dando auxilio e em tudo temos que dar graças a Deus.

Uma felicidade muito grande surgiu em meu coração por conta de uma revelação da palavra de Deus que foi me apresentada e com muita dificuldade, acredito, conseguiria transferir para as pessoas, foi um lampejo de conhecimento tão grande, derramado sobre mim que ainda me faltam palavras, compreensão e entendimento para expressar tudo o que me foi revelado. Não cesso de dar graças a Deus todos os dias pela luz divina que nosso Senhor Jesus me concedeu ter, por um só segundo, e que por sua Graça, mudou a minha vida e a forma que encarar minha vida. Louvado seja Deus!


A Compreensão do Problema do Pecado


Em palavras simples, eu poderia dizer aos mais jovens e também aos de idade avançada: Fujam do pecado! O menor dos pecados é como uma célula cancerígena que se instala dentro de você, começa invisível, insensível, e em pouco tempo mata todo o corpo. O problema é que o pecado não mata apenas a alma, mas destrói todo o corpo também.

Eu sei que muitas pessoas não gostam quando falamos nesse assunto, muitas pessoas acreditam que Deus é chato porque não quer que seus filhos pequem. É muito difícil explicar para as pessoas a visão que Deus tem do pecado. O que eu posso dizer é que minha experiencia pessoal nesse assunto me mostra que quando entrei em uma vida desregrada e com pecados passei a me tornar uma pessoa totalmente miserável. 

Quando entrei na faculdade uma colega de turma disse que eu parecia ter saido do filme " a Vida é bela!", para quem nunca viu esse filme trata-se de um filme com o Tom Hanks onde ele e o filho dele estão no meio do holocausto e o Tom Hanks (o pai), cria um mundo perfeito para o filho de forma a proteger o filho de todos os problemas e dos horrores daquele ambiente no qual eles estavam emergidos. 

Hoje, quem olha para mim diriam que essa colega de classe é totalmente louca, visto que eu não sou inocente e tampouco otimista em relação a vida. E pensar que entrei a faculdade em 2004 e hoje 10 anos depois tenho a dizer que não existe mais nem sombra daquela inocência e otimismo. O que aconteceu comigo? Só posso te dizer que foi o Pecado. E a dureza de ter a vida que eu levo hoje é que com muita dificuldade eu consigo expressar um sorriso verdadeiro tamanho é o peso e a dor de opressão que meus pecados deixaram sobre mim. 

Mas isso não é normal? Não é para ser assim mesmo? Quero dizer, a medida que crescemos e nos tornamos adultos não passamos a enxergar o mundo de maneira diferente, este seria um processo natural de amadurecimento.

Tenho que dizer que isso acontece com a maioria das pessoas que vão se tornando adultas, porém não precisaria ser assim. 
Hoje, eu acredito que teríamos adultos melhores se conseguíssemos manter a sujeira do mundo e a maldade longe das pessoas que amamos. Se fossemos capazes de salvar as almas e os corpos destas pessoas no seu processo de infância para a fase adulta.

Acredito que Deus tenha ainda um plano reservado para mim, e que esse meu processo de purificação e de recuperação do meu corpo seja motivo para Glória de Nosso Senhor Jesus.

Gostaria que você entendesse de maneira muito simples como o pecado haje em você, Gostaria que vocês leitores entendessem que um pecado simples vai atacar seu corpo e sua alma simultaneamente matando a ambos de maneira muito eficaz.

Vou tentar dar um exemplo, a medicina calculou de alguma maneira que a cada 1 cigarro que uma pessoa fuma, ela reduz 3 dias de sua própria vida. O processo de destruição do corpo através de um simples cigarro é tão grande que a vida da pessoa simplesmente pode ser reduzida, segundo a medicina.

Entende que se um simples pecado é capaz de reduzir alguns dias da sua vida, ou uma pedra de crack, ou um copo de cachaça, indo fundo em minha reflexão, hoje posso afirmar seguramente que até mesmo uma palavra ruim ou palavrões afetam sua existência de forma problemática.


O Acesso ao céu

Demorei muito tempo para compreender a relação bíblica entre a vida e a morte, pecado e santidade.

Aos poucos fui juntando os cacos dentro de mim e num esforço que durou anos pude compreender porque Deus pede a nós a Santidade.

Uma das coisas que tentei compreender é como era possível que Deus sempre falasse com o homem no inicio da Criação e até mesmo durante anos a presença de Deus era muito sensível ao homem e depois esta presença foi sendo reduzida, inclusive na própria Bíblia e aos poucos Deus deixou de se relacionar com o homem e passou a falar unicamente a poucos escolhidos e profetas.
E a resposta a esse ponto, repetimos incessantemente, inconscientemente e não conseguimos entender, falamos: "Deus nunca saiu do seu lado", "Deus nunca deixou você!".

É verdade! Deus nunca deixou a humanidade, mas através do pecado aos poucos a humanidade foi deixando Deus. 

O céu está acessível, não temos conseguido o acesso a ele por conta de um problema em nós mesmos. É como se um computador que possui um arquivo no formato DOT, por exemplo, mas seu software pegou um virus e você não tem como utilizar ele, assim estamos impedidos de acessar ao programa. 
Para que você possa abrir o programa DOT, você precisa primeiro remover o vírus, então tudo volta a funcionar. Pois bem, o Céu está acessível para nós. O mundo celeste está diante de nós o tempo todo, mas nossos corpos, mentes e almas estão contaminados com um virus e esse virus nos impede de acessar o programa celeste. Precisamos remover todos os vírus de pecado para que possamos acessar ao Reino dos Céus e participar da Gloria de Deus.


Com isso deixamos de participar da Glória celeste mesmo estando aqui na terra e finalmente passamos a pensar que Deus não existe.

Passamos a fazer o que está escrito no livro do Gênesis 6, 3 "O senhor então disse: "Meu espírito não permanecerá para sempre no homem, porque todo ele é carne, e a duração de sua vida será de cento e vinte anos."

Eu noto que através de uma medicina estragada, o homem tenta concertar seus erros com o uso de remédios, vacinas, dietas malucas, isolamentos etc. Fato é que o nosso corpo não resiste a dose forte de autodestruições que nós mesmos colocamos dentro de nós.

E você ainda pode se perguntar: Mas o que há de bom em não pecar?
Eu digo pela minha experiencia mundana e minha experiencias com Deus, os melhores dias da minha vida, os melhores momentos da minha vida foram aqueles que eu me senti perto de Deus, foram aquelas ocasiões em que eu estive mais próximo a Deus.
E digo ainda mais Não ha comparação entre uma experiencia com Deus direta e qualquer outra experiencia.

Por meio de um processo de analogia, que nesse caso vai ser muito mais que falho e limitado, estar em uma atividade no mundo: Churrasco com amigos, cervejas, drogas, sexo, show de rock, qualquer outra coisa é como andar de carrinho de bate-bate de parquinhos.
Uma experiencia com Deus seria a maior montanha russa do mundo, e seguramente, aqueles que participaram de uma experiencia real com Deus vão me dar razão.

A diferença aqui é que, nas experiencias terrestres você tem um prazer temporário que passa e traz consequências péssimas para seu corpo e alma. Com Deus, além de não ser comparável a nada, você ainda ganha:

 - a VIDA ETERNA! 
-  a VIDA EM ABUNDANCIA!
-  VENCE A MORTE!

Reserve um momento para Adorar a Deus. Louvado Seja o nome santo dele.












Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

[...] não deixes por isso de abraçar estreitamente sua santa cruz. - São Padre Pio de Pietrelcina.

Dos Mandamentos que se referem a Deus - Do segundo Mandamento da Lei de Deus | CATECISMO SÃO PIO X

CATECISMO DE SÃO PIO X | Sacramentos - Penitência _ parte I

Perguntas 12ª Artigo do CREDO | Creio na Vida Eterna, amém. | Catecismo de São Pio X

A Crisma - Introdução